Arujá descarta único caso suspeito de coronavírus na cidade

Paciente de 23 anos trabalha no Aeroporto Internacional de Guarulhos e havia suspeita de que ela teria tido contato com pessoas sintomáticas da doença.

A única notificação suspeita de coronavírus registrada até então pela Secretaria de Saúde de Arujá foi descartada nesta segunda-feira (09), conforme resultado informado pelo Instituto Adolfo Lutz, responsável pela análise do material coletado.

O suposto caso havia sido notificado há uma semana, quando uma paciente de 23 anos buscou atendimento no Pronto Atendimento Central com sintomas similares aos causados pelo Covid-19. A arujaense, que passa bem, esteve em isolamento domiciliar até a divulgação do resultado dos exames.

De acordo com informações apuradas pela Vigilância Epidemiológica do município, a paciente não fez viagens recentemente, mas atua como auxiliar de operações no Aeroporto Internacional de Guarulhos. Havia suspeitas de que ela teria tido contato com pessoas sintomáticas que estiveram no exterior.

Segundo a secretária municipal de Saúde, Carmen Pellegrino, todos os protocolos do Ministério da Saúde continuam sendo rigorosamente seguidos pelas equipes. Para ela, apesar da negativa do caso suspeito, é importante que a população continue adotando os cuidados preventivos: “Felizmente, não temos nenhum caso confirmado na cidade, mas a precaução deve prosseguir”.

Outras cidades

Suzano havia registrado até a última semana três casos suspeitos. Todos foram descartados. Nesta segunda, a Prefeitura informou que um quarto caso está sendo investigado.

Em Mogi, são cinco casos suspeitos até agora, sendo que dois já foram descartados. Três seguem em análise.

Os outros municípios da região não tinham registrado casos suspeitos até está segunda-feira (9).

Cuidados

A secretaria lembrou da importância de lavar constantemente as mãos, proteger a boca e o nariz ao tossir ou espirrar, evitar aglomerações e ficar atento aos sintomas de gripe como febre, tosse, dificuldade respiratória aguda, dores no corpo e na cabeça, entre outros.

A orientação é que se redobre a atenção em caso de contato com pessoas que estiveram ou são das áreas de transmissão e de casos confirmados da doença.

Outras informações podem ser obtidas no Departamento de Vigilância, no telefone 4652-1079, ramal 215.

Leave your vote

Comentários

mood_bad
  • Ainda não há comentários.
  • Adicionar um comentário

    Log In

    Forgot password?

    Don't have an account? Register

    Forgot password?

    Enter your account data and we will send you a link to reset your password.

    Your password reset link appears to be invalid or expired.

    Log in

    Privacy Policy

    Add to Collection

    No Collections

    Here you'll find all collections you've created before.