Moradores do Jardim Vermelhão no Pimentas pedem fim dos bailes funks

O bairro já foi palco de uma tragédia quando três jovens morreram pisoteados durante um “pancadão”

Os bailes funks frequentes no Jardim Vermelhão estão preocupando os moradores, que estão indignados com a situação. Neste sábado o “pancadão” teve início às 23h e terminou no domingo por volta das 5h. “O som alto e o barulho dos escapamentos das motos atrapalham o nosso sono. Nós chamamos a polícia, mas nada acontece”, disse uma moradora, que preferiu não se identificar. 

Ainda segundo a leitora do GuarulhosWeb, o baile deste sábado aconteceu na rua Central. Mas este não é o único ponto usado para os “pancadões”, que são organizados e compartilhados pelas redes sociais.

A Polícia Militar informou que desde o início da pandemia, a PM presta apoio aos órgãos municipais, principalmente à vigilância sanitária, na fiscalização de pancadões. A polícia informou ainda que realiza operações chamadas “Paz e Proteção”, que tem como objetivo impedir crime neste locais. 

Tragédia no Jardim Vermelhão

Três pessoas morreram pisoteadas confusão generalizada em baile funk no Campo do Jardim Vermelhão. O tumulto ocorreu durante show de MC Kapela, no dia 16 de novembro de 2018. 

Durante o show, o artista teria anunciado a chegada da polícia, o que teria provocado a correria. 

Dados SSP

Segundo a Secretaria de Segurança Pública (SSP), de janeiro a setembro deste ano, 903 pessoas foram presas, 266 procurados recapturados, 114 armas de fogo e 361

kg de drogas apreendidas, além de 1.941 autuações de trânsito. 

Leave your vote

Comentários

mood_bad
  • Ainda não há comentários.
  • Adicionar um comentário

    Log In

    Forgot password?

    Don't have an account? Register

    Forgot password?

    Enter your account data and we will send you a link to reset your password.

    Your password reset link appears to be invalid or expired.

    Log in

    Privacy Policy

    Add to Collection

    No Collections

    Here you'll find all collections you've created before.