Deic prende em Itaquaquecetuba suspeito de integrar quadrilha de roubo a empresas de transportes de valores

Um dos crimes foi realizado em Suzano, em 2018, mas suspeito teria participado de ações em outros estados e até país.

Policiais do Departamento Estadual de Investigações Criminais (Deic) prenderam em Itaquaquecetuba, nesta quinta-feira (20), um dos integrantes da quadrilha especializada em grandes ataques contra empresas de transporte de valores.

De acordo com o Deic, no histórico de crimes estão a invasão de firma especializada em carregar dinheiro no Paraguai, em 2018, o roubo a um carro-forte em Suzano, em 2018 e o assalto dentro do aeroporto de Blumenau, em Santa Catarina 2019.

A prisão do suspeito foi realizada por policiais da 5ª Delegacia Patrimônio, de Investigações sobre Roubo a Banco. Para chegar à prisão, foi realizado um trabalho de inteligência policial e obtenção de informações, a fim de identificar o detido e a localização dele.

O preso ocupava uma casa na Rua Canelinha, no Jardim Odete. Segundo o Deic, ele havia montado um circuito com câmeras de segurança para evitar surpresas. Todo o monitoramento – ruas e entradas – era feito dentro do próprio quarto. Mas a ação da equipe 5ª Patrimônio neutralizou o esquema.

Na avaliação do delegado Pedro Ivo Corrêa, titular da 5ª Patrimônio, o detido integra principal organização criminosa responsável pelos maiores roubos do País. O ataque à transportadora de valores no Paraguai também é considerado o maior ocorrido na nação vizinha.

Comentários

mood_bad
  • Ainda não há comentários.
  • Adicionar um comentário