Represas do Sistema Alto Tietê operam com volume próximo da capacidade

Represas do Sistema Alto Tietê operam com volume próximo da capacidade

Ponte Nova é a que opera com volume maior de 94,20%.

Depois das chuvas acima da média do início desta semana, a maior parte das represas que integram o Sistema Alto Tietê está operando com um volume bem próximo da capacidade.

A represa Ponte Nova é a que opera com volume maior, de 94,20%. Depois tem a de Paraitinga com 88,89%.

Já a represa de Taiaçupeba opera com 83,35% da capacidade total e a do Rio Jundiaí com volume de 71,79 %.

A represa de Biritiba é a que opera com o menor volume em comparação com sua capacidade total, com 36,63%.

A pluviometria acumulada nos reservatórios da região neste mês é de 130,9 milímetros. Há um ano a quantidade era um pouco maior: 142,5 milímetros.

Só que nessa mesma data de 2019, os reservatórios do Alto Tietê operavam com 61,7% , mas hoje, juntos, operam com um volume médio de 85,7% da capacidade.

Fazer um comentário
Comentário
Nome
E-mail