Empresa de Suzano participa de esforço nacional para ajudar na fabricação de respiradores

Força-tarefa espera entregar 6,5 mil respiradores em 90 dias, segundo o Ministério da Saúde.

Uma empresa de Suzano está entre as grandes indústrias do Brasil que participam de um esforço nacional para auxiliar na produção de 6,5 mil respiradores, para atender a um acordo firmado entre a maior fabricante do aparelho no Brasil o Ministério da Saúde.

De acordo com a pasta federal, o contrato foi assinado em 7 de abril no valor de R$ 322,5 milhões, para uso no tratamento de pacientes infectados pelo coronavírus.

A expectativa é de que a entrega de todos os equipamentos ocorra em até 90 dias, sendo quase 2 mil ainda em abril. Os ventiladores ajudam pacientes que não conseguem respirar sozinhos e seu uso é indicado nos casos graves de coronavírus (COVID-19), que apresentem dificuldades respiratórias.

Segundo a Suzano, a empresa vai auxiliar em questões de engenharia e na procura para encontrar fornecedores globais de insumos, além de prover capital de giro para a aquisição de componentes.

De acordo com o Ministério, o país contava com apenas quatro empresas que produzem respiradores. A ideia é que a indústria nacional dispare uma produção em tempo reduzido.

Além da Suzano, participam do acordo para ajudar a Magnamed, que produzia 1,8 mil ventiladores por ano, as empresas Positivo Tecnologia, Klabin, Embraer, Fiat Chrysler Automóveis, White Martins e a Flex. Cada uma colaborando de uma maneira para que tamanha produção possa ser viabilizada em um curto espaço de tempo.

Leave your vote

Comentários

mood_bad
  • Ainda não há comentários.
  • Adicionar um comentário

    Log In

    Forgot password?

    Don't have an account? Register

    Forgot password?

    Enter your account data and we will send you a link to reset your password.

    Your password reset link appears to be invalid or expired.

    Log in

    Privacy Policy

    Add to Collection

    No Collections

    Here you'll find all collections you've created before.