Jovem que morreu de Covid-19 em casa ao esperar ambulância fez posts pedindo para pessoas se prevenirem em MT

No Instagram, William postou uma foto dele, de máscara, pedindo para as pessoas “se prevenirem sempre” contra o coronavírus.

O jovem William Neder Odhene Junior, de 23 anos, que morreu vítima da Covid-19 nesse domingo (28) no apartamento da mãe, no Bairro Bosque da Saúde, em Cuiabá, utilizava as redes sociais para pedir que as pessoas se prevenissem contra o coronavírus.

No Instagram, William postou uma foto dele, de máscara, pedindo para as pessoas “se prevenirem sempre” contra o coronavírus.

A imagem foi publicada em maio, quando pandemia ainda não estava em estágio tão avançado quanto em junho, no estado.

William morava em Alta Floresta, a 800 km de Cuiabá, e estava em Cuiabá para visitar a mãe. Passou mal e chegou a ficar internado por alguns dias, mas recentemente teve alta e foi para a casa.

Na manhã de domingo ele passou mal novamente. Os vizinhos ouviram o grito da mãe e chamaram a polícia acreditando que era um caso de violência doméstica.

Quando os policiais chegaram, verificaram que o jovem estava desmaiado

Por não poderem atender sendo um caso de Covid-19, a PM chamou uma ambulância do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu).

No entanto, a ambulância chegou depois de 50 minutos. O rapaz não resistiu e morreu.

A mãe ainda foi até um hospital particular e pediu para que buscassem o filho, porém, a unidade afirmou que não poderia e que alguém teria que trazer o rapaz até o hospital.

A Secretaria Estadual de Saúde (SES) ainda não se posicionou sobre a demora no atendimento pelo Samu.

Na manhã de domingo ele passou mal novamente. Os vizinhos ouviram o grito da mãe e chamaram a polícia acreditando que era um caso de violência doméstica.

Quando os policiais chegaram, verificaram que o jovem estava desmaiado

Por não poderem atender sendo um caso de Covid-19, a PM chamou uma ambulância do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu).

No entanto, a ambulância chegou depois de 50 minutos. O rapaz não resistiu e morreu.

A mãe ainda foi até um hospital particular e pediu para que buscassem o filho, porém, a unidade afirmou que não poderia e que alguém teria que trazer o rapaz até o hospital.

A Secretaria Estadual de Saúde (SES) ainda não se posicionou sobre a demora no atendimento pelo Samu.

A mãe e o padrasto do jovem fará exames nesta segunda-feira (29) para verificar se estão com Covid-19.

Leave your vote

Comentários

mood_bad
  • Ainda não há comentários.
  • Adicionar um comentário

    Log In

    Forgot password?

    Don't have an account? Register

    Forgot password?

    Enter your account data and we will send you a link to reset your password.

    Your password reset link appears to be invalid or expired.

    Log in

    Privacy Policy

    Add to Collection

    No Collections

    Here you'll find all collections you've created before.