Escorpiões causam pânico em moradores da Vila Santo Antonio, em Ferraz de Vasconcelos

Escorpiões causam pânico em moradores da Vila Santo Antonio, em Ferraz de Vasconcelos

Jovem foi picado em janeiro e a irmã dele em novembro. Prefeitura de Ferraz de Vasconcelos informou que fará busca ativa no bairro.

Os escorpiões voltaram a causar pânico nos moradores da Vila Santo Antônio, em Ferraz de Vasconcelos. Dois meses depois de uma jovem ser picada por um escorpião, foi a vez do irmão dela passar pelo mesmo susto no bairro.

A família e os vizinhos reclamam da falta de atenção com um terreno que, segundo eles, serve de esconderijo para os escorpiões. Prefeitura de Ferraz de Vasconcelos informou que vai fazer uma busca ativa na Vila Santo Antônio. (veja abaixo resposta completa).

Adriana de Azevedo Silva é mãe do rapaz, de 21 anos, que foi picado no dia 2 janeiro. “Ele estava levantando para ir trabalhar e estava se arrumando. Quando foi andar dentro do quarto dele sentiu uma picada e quando foi ver era o escorpião. Ele me chamou e estava ardendo e doendo.”

A irmã dele, de 17 anos, foi picada em novembro, enquanto estava dormindo. “Eu acordei assustada com a picada do escorpião. Então a gente veio para o Hospital Regional de Ferraz de Vasconcelos, mas chegando lá na tinha soro. A única coisa que fizeram foi dar a anestesia no pé e indicaram ir para o hospital de Mogi. E chegando lá fomos atendidos super bem”, contou a estudante Rafaela de Azevedo Silva.

Os dois estão bem, mas a família não tem paz. “Somos obrigados a toda hora olhar embaixo de cama, sacudindo os cobertores, as roupas, os sapatos para ver se de repente não estão dentro. Porque se aconteceu duas vezes pode acontecer mais”, afirmou o chef de cozinha Pedro Gomes da Silva.

O motorista Nilton Teles dos Santos já capturou sete escorpiões na casa dele. Um dos bichos estava bem próximo ao carrinho de bebê do filho dele que tem 8 meses.

“Segundo informações dos médicos é questão de segundos para uma criança vir a falecer devido ao escorpião ser um bicho muito venenoso. Então, a probabilidade seria de eu perder meu filho por causa da negligência da própria Prefeitura.”

Nilton diz que o mato alto, lixo e entulho de um terreno ajudam na proliferação dos escorpiões. O Diário TV já mostrou essa situação em novembro. Na época, o Centro de Controle de Zoonoses informou que uma equipe técnica viria até o local, mas os moradores afirmam que ninguém apareceu.

“Quem está fazendo alguma coisa somos nós que chamamos a imprensa, uma pessoa para fazer desinsetização (sic) dentro de casa e no quintal, mas a Prefeitura não se manifestou em nada. Além de escorpião é rato que sobe pela tubulação, é cobra já pegamos cobra no quintal. Alguma medida dever ser tomada”, destacou a aposentada Senhorinha da Conceição Pereira.

A Prefeitura de Ferraz de Vasconcelos informou nesta terça-feira (7), que a Secretaria de Saúde deve fazer uma busca ativa na Vila Santo Antônio, nos próximos dias. Segundo a Prefeitura o objetivo é a retirada dos animais peçonhentos do bairro e para proteger os funcionários que vão fazer os serviços de limpeza por lá.

Ainda de acordo com a Prefeitura, uma parte do local já foi limpa pela Secretaria de Serviços Urbanos e a outra também deve passar pela limpeza, de acordo com um estudo de data e prioridade, depois da busca ativa.

A Prefeitura destacou que nenhuma reclamação foi formalizada antes da reportagem ir ao ar. A Secretaria de Saúde enviou uma equipe de agentes até a área, que confirmou a situação, mas segundo a Prefeitura, para entrada do terreno e a retiradas dos animais, é preciso seguir procedimentos oficiais.

Fazer um comentário
Comentário
Nome
E-mail