Uma pessoa é encontrada após ser arrastada em temporal desta quarta em Ferraz, diz prefeitura

Segundo as informações da Prefeitura de Ferraz, o corpo de uma mulher foi encontrado preso em uma estrutura de ferro em um córrego no bairro do Tanquinho.

Uma mulher morreu depois de ser arrastada pela enxurrada, no bairro do Tanquinho, em Ferraz de Vasconcelos, durante a chuva desta quarta-feira (8).

(ATUALIZAÇÃO: Na noite de quarta-feira, a Prefeitura de Ferraz de Vasconcelos informou que, além da morte, 1 pessoa estava desaparecida por conta da chuva. Na manhã desta quinta, porém, a administração municipal disse que o desaparecimento não está confirmado. O Corpo de Bombeiros não realiza buscas na cidade. Esta reportagem foi atualizada às 10h45.”)

O corpo da mulher foi encontrado preso em uma estrutura de ferro, em um córrego do bairro.

A cidade registrou 95 milímetros de chuva em 40 minutos, segundo a prefeitura.

O corpo foi encontrado logo depois que a água da chuva escoou, mas ainda não tinha sido identificado, às 22h, mas passou por perícia da Polícia Civil.

Ainda em Ferraz, pela quarta vez, um comerciante da cidade registrou uma pessoa sendo arrastada pela enxurrada na Avenida Rosa Teixeira Bueno, no Parque São Francisco. 

A primeira vez que ele fez o registro foi em 2011. Em todas as ocasiões, as vítimas foram socorridas por populares que passavam pelo local. No caso desta quarta-feira, o idoso disse ter bebido muita água e perdido os documentos, mas não quis atendimento médico na hora.

A enxurrada também invadiu um hipermercado no Parque Dourado. As imagens mostram a água invadindo o estabelecimento e arrastando várias mercadorias que estavam nas prateleiras e empilhadas nos corredores.

Embaixo do pontilhão na rua Caetano Rúbio, no Jardim Tinoco, dois rapazes ficaram ilhados dentro de um carro. O secretário municipal de Trânsito ajudou a resgatar os dois da enxurrada.

O telhado do estacionamento da Igreja Nossa Senhora da Paz, na Vila Romanópolis, não suportou a força do vento e a chuva e desabou. Ninguém ficou ferido.

A Prefeitura de Ferraz informou que foram registrados na cidade dezenas de pontos de alagamentos e mais de 10 ocorrências envolvendo a Defesa Civil, incluindo queda de barreira e de muro. A administração municipal lamentou a situação na cidade e a classificou como “tragédia”.

Mogi das Cruzes

Em Mogi das Cruzes, o temporal de 90 milímetros em 45 minutos provocou diversos pontos de alagamento na região Central, Parque Monte Líbano, Mogi Moderno, Socorro, Mogilar, Vila Natal, Vila Industrial e Cezar de Souza.

A rodovia Mogi-Dutra ficou interditada nos dois sentidos, na altura do km 59, em Mogi das Cruzes, por conta do excesso de água.

Segundo a Prefeitura de Mogi, o plano de contingenciamento da Operação Verão foi acionado e contou participação de diversas secretarias e órgãos, para o monitoramento da situação na cidade. Com a diminuição do volume de chuvas, equipes de manutenção da Prefeitura de Mogi das Cruzes passaram a trabalhar no atendimento a necessidades de manutenção dos locais atingidos.

A partida entre Juventus e Real-DF, pela Copa São Paulo de Juniores, precisou ser interrompida devido à chuva.


A Via Perimetral também registrou pontos de alagamento, localizados entre a região da Ponte Grande e da Volta Fria. A passagem subterrânea Engenheiro Osvaldo Crespo de Abreu também registrou acúmulo de água. O trânsito na região central também foi prejudicado devido à queda de energia elétrica, que interrompeu o funcionamento de diversos semáforos.

A rodovia Mogi-Dutra ficou interditada nos dois sentidos, na altura do km 59, em Mogi das Cruzes, por conta do excesso de água.

Segundo a Prefeitura de Mogi, o plano de contingenciamento da Operação Verão foi acionado e contou participação de diversas secretarias e órgãos, para o monitoramento da situação na cidade. Com a diminuição do volume de chuvas, equipes de manutenção da Prefeitura de Mogi das Cruzes passaram a trabalhar no atendimento a necessidades de manutenção dos locais atingidos.

A partida entre Juventus e Real-DF, pela Copa São Paulo de Juniores, precisou ser interrompida devido à chuva.

A Estação de Tratamento de Água (ETA) Leste, que abastece os distritos de César de Sousa e Sabaúna, além da região do Rodeio, está paralisada por falta de energia. A concessionária já foi acionada, mas está com dificuldades de chegar ao local devido ao trânsito e pontos de alagamento. Com a unidade parada, o abastecimento foi interrompido, devendo ser retomado após o retorno da energia.

Poá

Os 52 milímetros que caíram de chuva em Poá, durante uma hora na tarde desta quarta-feira causaram estragos na cidade. A Avenida Brasil, ao lado da Estação Calmon Viana, registrou alagamento e muitas pessoas ficaram ilhadas na estação. Alguns veículos arriscaram passar pela via alagada, mesmo com a chuva.

Segundo a Prefeitura, não houve registro de nenhum problema grave. Nas últimas seis horas, a cidade registrou 76 milímetros de chuva, enquanto nas últimas 24 horas foram 105 milímetros.



Fazer um comentário
Comentário
Nome
E-mail