Felizes para sempre! Após largar a carreira para inocentar Jonathan Irons, Maya Moore casa-se com ele

Estrela da WNBA decidiu parar de jogar para ajudar um homem negro que ela acreditava ter sido vítima de um sistema racista e questionar o poder excessivo dos promotores de justiça nos EUA

Estrela do basquete que virou ativista, Maya Moore revelou que está casada com Jonathan Irons. O casal participou do programa “Good Morning America” ​​nesta quarta-feira para compartilhar detalhes exclusivos de sua história única de amor, que nasceu da amizade depois que ela ajudou a libertá-lo da prisão após uma condenação injusta por 50 anos.

– Queríamos anunciar que estamos super animados para continuar o trabalho que estamos fazendo juntos, mas como um casal. Nós nos casamos há alguns meses e estamos animados para continuar este novo capítulo da vida juntos – contou a bicampeã olímpica, campeã mundial pela seleção americana e dona de quatro títulos da WNBA pelo Minnesota Lynx .

Embora o casamento tenha sido celebrado durante a pandemia, Maya Moore disse que isso não diminuiu a importância da ocasião. Ela contou que os convidados estavam mascarados e socialmente distantes, mas o principal foi que puderam realizar a cerimônia com alguns de seus amigos mais próximos e familiares.

Maya Moore contou que os sentimentos românticos pelo atual marido progrediram gradualmente com o tempo, desde que eles se conheceram por meio de um programa penitenciário quando ela tinha 18 anos. Apaixonada, ela disse que o que mais ama no companheiro é a capacidade de superar o caos do ambiente, bem como sua fé em Deus.

– Nos últimos 13 anos, acabamos desenvolvendo uma amizade e entramos nesta enorme batalha para levá-lo para casa e, com o tempo, ficou bem claro o que o Senhor estava fazendo em nossos corações. E agora estamos aqui, começando um um novo capítulo juntos.

Jonathan Irons revelou seu amor por Maya ainda no Centro Correcional de Jefferson City e falou em casamento, mas ela respondeu que não era a hora. Ele contou que apesar das intenções românticas, também tinha a intenção de protegê-la. Como não sabia qual seria o seu destino, tinha consciência que um relacionamento com um homem na prisão seria extremamente difícil e doloroso para ela. Mas valeu a pena esperar.

– Eu não queria que ela se sentisse presa, eu queria que ela se sentisse aberta. Se fosse demais, que a qualquer momento ela poderia sair e encontrar alguém. Viver a sua vida. Mas quando saí da prisão, éramos apenas eu e ela na sala do hotel. Estávamos bêbados de felicidades. Eu me ajoelhei e olhei para ela, que sabia exatamente o que estava acontecendo. Eu perguntei: “quer se casar comigo?”. E ela disse sim – contou Irons.

A história de Maya Moore e Jonathan Irons

Bicampeã olímpica, campeã mundial pela seleção americana e dona de quatro títulos da WNBA pelo Minnesota Lynx, Maya surpreendeu o mundo do basquete com uma decisão inesperada. Em fevereiro de 2019, decidiu interromper a carreira para ajudar um homem que ela acreditava ter sido vítima de um sistema prisional racista no estado do Missouri, onde nasceu e foi criada.

Em 1998, quando tinha 16 anos, o jovem negro Jonathan Irons foi condenado a 50 anos de prisão sob acusação de assalto com uso de arma de fogo que resultou em um ferido. Não houve morte no incidente. Ao longo de dois anos, Jonathan, então menor de idade, foi interrogado sem direito a advogado ou guardião legal, e condenado por um júri formado inteiramente por pessoas brancas. Após a condenação, várias apelações foram rejeitadas.

Maya conheceu Jonathan Irons há 12 anos. Foi apresentada à dura história do rapaz por seus avós. A futura estrela se solidarizou com o caso do detento número 101145, mergulhando fundo nesse drama pessoal até se convencer, após pesquisas incansáveis, de que se tratava de um inocente. Uma amizade logo se estabeleceu entre a jogadora e o preso. Com os anos, veio o estreitamento da relação. Maya passou a enviar livros com temáticas espirituais para Jonathan, e os dois mantiveram contato por telefone até mesmo em dias de jogos do Minnesota Lynx. Além de ver Jonathan fora da cadeia, outro grande objetivo de Maya é fazer com que sua comunidade ressignifique o que é vitória para o sistema de justiça criminal.

Leave your vote

Comentários

mood_bad
  • Ainda não há comentários.
  • Adicionar um comentário

    Log In

    Forgot password?

    Don't have an account? Register

    Forgot password?

    Enter your account data and we will send you a link to reset your password.

    Your password reset link appears to be invalid or expired.

    Log in

    Privacy Policy

    Add to Collection

    No Collections

    Here you'll find all collections you've created before.