Justiça condena Cruzeiro a pagar R$ 3,2 milhões a Rafael Sobis, em ação trabalhista do atacante

Jogador acionou o ex-clube na Justiça do Trabalho do Rio Grande do Sul há um ano, mas processo foi transferido para Belo Horizonte; as partes ainda podem recorrer

Praticamente um ano depois do ingresso da ação trabalhista, a Justiça proferiu sentença de primeira instância no processo movido por Rafael Sobis contra o Cruzeiro. A condenação do clube mineiro, datada dessa terça-feira, foi na ordem de R$ 3,2 milhões, segundo apurou o ge. Sobis pedia R$ 4,1 milhões do ex-clube, por não cumprimento de acordo no ato da rescisão contratual. A ação, que está em segredo de justiça, foi ajuizada, inicialmente, no Rio Grande do Sul, mas, posteriormente, transferida para Belo Horizonte.

Comentários

mood_bad
  • Ainda não há comentários.
  • Adicionar um comentário