Alto Tietê tem aumento de 98,7% no número de enterros realizados em março

COMPARTILHE
PUBLICIDADE

Em meio ao avanço e à piora dos índices da Covid-19, os cemitérios do Alto Tietê registraram um aumento de 98,7% no número de enterros realizados em março de 2021, em comparação ao mesmo mês do ano passado.

Foram, ao todo, 1.389 sepultamentos ao longo do mês, de acordo com números enviados pelas prefeituras a pedido do G1. O dado, que é o maior de toda a pandemia, indica um salto de 94,5% em relação ao registrado em fevereiro.

O levantamento conta com números de Ferraz de Vasconcelos, Guararema, Itaquaquecetuba, Mogi das Cruzes, Poá, Santa Isabel e Suzano. As cidades de Arujá, Biritiba Mirim e Salesópolis também foram questionadas, mas não responderam.

Alto Tietê tem aumento de 98,7% no número de enterros realizados em março

Números por cidade

Entre os sete municípios que enviaram os números, quatro mais que dobraram o número de enterros realizados em março de 2021. Na comparação com o ano passado, Santa Isabel foi o que registrou o maior aumento (164,2%), seguido por Suzano (141,3%).

Em Poá o aumento foi de 105%, enquanto Itaquaquecetuba registrou 100,8% mais enterros no terceiro mês desse ano. Na cidade de Mogi das Cruzes, segundo a Prefeitura, o crescimento foi de 82,8%. Já em Ferraz o número aumentou 66,6%.

Guararema foi o único município que registrou redução, passando de 20 sepultamentos no ano passado para 19 em 2021.

ASSUNTOS
COMPARTILHE
MAIS NOTÍCIAS
OUTRAS NOTÍCIAS