Com busca por vida perto da natureza, procura por imóveis rurais cresce no Alto Tietê na pandemia

Com busca por vida perto da natureza, procura por imóveis rurais cresce no Alto Tietê na pandemia

Comerciante de São Paulo, por exemplo, encontrou em Biritiba Ussu um bom lugar para morar. Corretor de imóveis acredita que proximidade com a capital contribui.

A procura por imóveis rurais no Alto Tietê aumentou nos últimos meses. Durante a pandemia, muitas pessoas têm procurado por sossego e, com isso, movimentam esse mercado na região.

É o caso, por exemplo, da comerciante Lilian Vilela, de São Paulo. Em busca de “fugir” da cidade grande, ela escolheu uma propriedade em Biritiba Ussu, distrito de Mogi das Cruzes fica a 80 quilômetros da capital.

“Já era vontade, e a gente já conhecia a região, porque meu pai morava aqui antigamente. Ele vinha muito para pescar nessa represa”, disse ela.

Esse é um caminho que, durante a pandemia, tem sido um dos mais escolhidos pelos clientes do corretor de imóveis Jackson Ferreira. Há seis anos trabalhando com vendas e locações de propriedades rurais, ele ficou surpreso com o aumento na procura nesse período. O número de negócios fechados, segundo o corretor, mais que dobrou.

Anúncio Patrocinado

“Fechou shopping, fechou praia, então o pessoal começou a procurar esse refúgio, de comprar um sítio ou uma chácara, para passar com a família, ter um lugar de lazer com tranquilidade e paz. O pessoal começou a migrar muito para Mogi, devido à proximidade com São Paulo, ao fato de o acesso ser fácil. Aumentou muito a compra desses imóveis em Mogi”, explicou.

No caso de Lilian, a compra do sítio foi muito além de um espaço de lazer para os momentos de folga. Na pandemia, tornou-se um refúgio e virou endereço fixo.

“A gente estava em São Paulo. Meus pais já tinham problema de saúde. A gente ia colocar caseiro aqui, mas não. Nós decidimos vir para cá. Foi a melhor compra que fizemos até hoje, e eu não pretendo sair daqui tão cedo”.

Seja para morar, para o fim de semana ou até para investir, segundo o corretor, essa é uma boa hora para quem busca uma casa no campo.

“A gente vende na planta também. É um segmento que realmente valorizou muito. Antigamente não era tão visto, mas hoje, devido a essa situação, valorizou mais de 100% o imóvel rural. É um bom investimento, sim, tanto para quem quer comprar, construir e vender, ou para quem quer comprar e ter uma renda, porque a procura por locação também aumentou bastante”, disse o corretor.

Anúncio Patrocinado
Subscribe
Notify of
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments

Artigos Relacionados

Outras Notícias

Alto Tietê Online Receba novidades e notificações na tela do seu dispositivo.
Não
Permitir Notificações