Carga suspeita mobiliza esquadrão antibombas no aeroporto de Guarulhos

Carga suspeita mobiliza esquadrão antibombas no aeroporto de Guarulhos

A Polícia Federal e o Gate foram acionados e isolaram a área para que um robô trabalhasse na abertura do material

Uma carga de chinelos levantou suspeitas da Polícia após cães farejadores sentirem um cheiro estranho. O caso, que mobilizou o esquadrão antibombas, aconteceu no final da tarde desta terça-feira, 13/4, no aeroporto de Guarulhos.

A carga não tinha identificação e as suspeitas aumentaram quando o raio-x não afastou a possibilidade de bombas ou drogas dentro da bagagem. Depois, descobriu-se que a máquina não identificou o material porque o produto estava muito bem embalado.

A Polícia Federal e o Gate foram acionados e isolaram a área. Um robô também foi utilizado para abrir a caixa de madeira, quando localizou os chinelos. Os produtos estavam com a documentação em ordem.

A ocorrência, segundo a GRU Airport – concessionária que administra o aeroporto – não impactou as atividades do local.

Anúncio Patrocinado
Subscribe
Notify of
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments

Artigos Relacionados

Outras Notícias

Alto Tietê Online Receba novidades e notificações na tela do seu dispositivo.
Não
Permitir Notificações