Proprietários de food trucks instalados na Avenida Amazonas, em Arujá, estão animados com o projeto de revitalização da praça que abriga os cerca de 20 estabelecimentos de alimentação. Frequentado até por moradores de cidades do entorno, o local ganhou atenção especial da gestão do prefeito Luis Camargo (PSD), o Dr Camargo, que já concluiu os estudos de melhorias para o espaço e pretende iniciar as obras até janeiro de 2022.

Todo o processo contou com a participação direta dos comerciantes locais, que ajudaram a prefeitura a definir o que será implantado, em termos de infraestrutura. Em posse de maquetes impressas, Dr Camargo realizou uma última reunião para antecipar as novidades aos empreendedores e anunciar que o novo espaço deverá ser inaugurado antes do Dia das Mães do ano que vem.

Avenida Amazonas, em Arujá, será a nova referência gastronômica do Alto Tietê
O prefeito de Arujá, Dr Luis Camargo (PSD), durante a última reunião com os proprietários de food trucks – Foto: Divulgação

Nos últimos 90 dias nós discutimos o projeto com os proprietários de food trucks de alimentação e, agora, nós chegamos a um consenso de como será a formatação da revitalização. A ideia é que daqui para os próximos 60 dias eu tenha um projeto executivo pronto, o que permite iniciar essa obra na primeira semana de janeiro.”

Ainda segundo o prefeito, o espaço terá box de alvenaria para aumentar a segurança alimentar dos frequentadores e, ao mesmo, tempo, oferecer mais qualidade de trabalho para os comerciantes.  

“Vamos implantar uma base da GCM, banheiro público, uma fonte iluminada, e cada um dos quioques de alvenaria terá a sua própria cozinha, que será azulejada e com espaço para depósito. É claro que a prioridade será para os MEIs (microempreendedores individuais) da cidade, como prega a lei municipal”, explicou o prefeito.

Expectativa positiva

O comerciante Alessandro Alves de Morais, 34 anos, destacou que o novo visual tende a aumentar o fluxo de clientes.

Avenida Amazonas, em Arujá, será a nova referência gastronômica do Alto Tietê
O comerciante Alessandro Alves de Morais – Foto: Bruno Arib

“A questão de ter um banheiro para o público e para os próprios comerciantes, uma guarita da GCM para aumentar a segurança, tudo vai ser de grande ajuda e uma melhora para todos nós. Creio que vai ficar mais chamativo, então deve atrair mais pessoas. O fato de algumas pendências serem resolvidas, como a falta de banheiro e até mesmo a falta de segurança, vai agregar bastante e o movimento só tende a aumentar.”

Já o também comerciante André Lima, 30, disse que a cidade vai oferecer um espaço de lazer para as famílias, além de se tornar uma referência gastronômica. “Hoje já vêm pessoas de São Paulo, Guarulhos, Santa Isabel. Uma cidade que não tinha área turística e agora já tem. Se tornou um cartão postal de Arujá, principalmente voltado para as famílias.”

Créditos: https://www.leiaogazeta.com.br/

Deixe um comentário