Guarulhos: Funcionário da Proguaru comete suicídio

COMPARTILHE
PUBLICIDADE

Sofrendo de depressão há 14 anos, Luiz Carlos Reis, 56 anos completados em 11 de setembro, era funcionário da Proguaru.
Segundo familiares, sua situação agravou-se com a decisão da gestão municipal, corroborada por vereadores, de fechar a empresa. Chegou à atitude extrema de dar cabo à própria vida, ingerindo chumbinho.
No sábado, 18/09, faleceu. Seu corpo está sendo velado no Cemitério do Campo Santo, na Vila Rio de Janeiro, na manhã deste domingo.

Protestos do dia 15/09

Funcionários da Proguaru realizaram uma assembleia em frente à Prefeitura de Guarulhos, na quarta-feira (15), e protestaram contra a extinção da sociedade de economia mista, que é responsável pela limpeza de escolas do município.

De acordo com a Comissão de Trabalhadores da Proguaru, cerca de 2,5 mil trabalhadores compareceram ao ato. O órgão informou que foi realizado um pedido de referendo com 15 mil assinaturas contrárias à decisão.

Segundo a prefeitura, “com a iminente falência da empresa, a extinção neste momento visa a garantia dos direitos a todos os trabalhadores”. Com o fechamento da Proguaru, cerca de 4,7 mil pessoas perderão seus empregos.

O executivo municipal declarou que “tal medida é necessária e lastreada por parecer elaborado pela Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe), que comprovou a grave crise financeira, a inviabilidade de recuperação econômica e a continuidade da prestação de serviços pela empresa”.

Greve dia 20/09

Decidida em assembleia realizada no Bom Clima na quarta-feira, a greve dos servidores da Proguaru está marcada para ter início nesta segunda-feira, 20/09. Como primeira consequência, causou a autorização do secretário municipal de Educação, Alex Viterale, para a suspensão das aulas presenciais nas escolas que não tenham estrutura própria para manter todos os protocolos de higiene e saúde. Há unidades de ensino que manterão as aulas presenciais e outras nas quais passarão a ser remotas.

ASSUNTOS
COMPARTILHE
MAIS NOTÍCIAS
OUTRAS NOTÍCIAS