Fiscalização por radares em Mogi das Cruzes ainda precisa de licitação

Fiscalização por radares em Mogi das Cruzes ainda precisa de licitação

Comunicado tem circulando na internet, informando que equipamentos voltariam para ruas e avenida nesta quarta-feira. Segundo a Prefeitura, a notícia é falsa.

Mogi das Cruzes não tem fiscalização por radares há cinco meses. Mas um comunicado que circula nas redes sociais nos últimos dias tem deixado os motoristas da cidade apreensivos com o retorno da fiscalização.

No papel é possível ver as ruas e avenidas que receberiam radares, o sentido onde o equipamento ficaria instalado e a velocidade permitida. Mas a Prefeitura informou que a notícia é falsa e que o retorno dos radares ainda não tem uma data definida.

A Secretaria Municipal de Mobilidade Urbana detalhou que um novo processo licitatório ainda está em trâmite junto às secretarias competentes para a contratação de serviços de tecnologia a serem utilizados na mobilidade urbana do município. Segundo a secretaria, a previsão é que o procedimento seja aberto ainda neste primeiro trimestre.

De acordo com a pasta, dentro deste novo conceito a fiscalização eletrônica será uma parte deste trabalho e não mais o único serviço prestado. O fornecimento de soluções de inteligência viária, tecnologia para o transporte coletivo e a operação de uma central informatizada de trânsito estão dentro do escopo da nova contratação que, entre outras ações previstas, trará a modernidade, a atualização tecnológica e a agilidade necessárias para uma gestão inteligente e inclusiva da mobilidade urbana.

A Secretaria Municipal de Mobilidade Urbana destacou ainda que qualquer funcionamento de equipamento de fiscalização eletrônica nas vias municipais de Mogi das Cruzes será precedida de implantação de faixas educativas e de orientação nos locais.

Veja mais notícias como esta em Mogi das Cruzes