Procon de Mogi faz alerta sobre golpes com cartões consignados e empréstimos

Procon de Mogi faz alerta sobre golpes com cartões consignados e empréstimos
COMPARTILHE
PUBLICIDADE

A instituição afirma que já recebeu 47 reclamações de aposentados e pensionistas que tiveram descontos no benefício do INSS sem ter solicitado os serviços.

O Procon de Mogi das Cruzes está fazendo um alerta para golpes envolvendo cartão de crédito consignado e empréstimo. A instituição afirma que já recebeu 47 reclamações de aposentados e pensionistas que tiveram descontos no benefício do INSS sem ter solicitado os serviços.

A diretora do Procon de Mogi, Fabiana Bava, explica que frequentemente são identificados contratos nos quais há indícios de falsificação da assinatura e em outros casos o consumidor não entende o que está contratando, o que é frequente na modalidade de cartão de crédito consignado.

“Infelizmente, percebemos que há casos em que o correspondente bancário se utiliza de informações de processos em curso, no qual o consumidor aguarda devolução de descontos não autorizados e sobre o pretexto de que farão a devolução, induzem a nova contratação de empréstimo”.

No Estado de São Paulo está em vigor desde novembro do ano passado a Lei 17.458/2021 que proíbe a oferta por telefone de empréstimos de qualquer natureza a aposentados e pensionistas. No entanto, segundo o Procon de Mogi, as reclamações continuam. Para que as empresas que estão descumprindo a norma sejam multadas, é preciso que as denúncias sejam feitas.

Ainda segundo Fabiana Bava, alguns contratos de crédito consignado passaram a ser feitos por aplicativo de mensagem, pelo qual o consumidor envia documentos pessoais, foto e aceita os termos do contrato por meio de biometria.

“A intenção das empresas é evitar que outra pessoa contrate em nome de terceiro, no entanto, é preciso que o consumidor tenha clareza, seja bem informado do que está contratando e esse continua sendo um dever do fornecedor, que não pode ser negligenciado”, esclarece.

Cuidados

  • Cadastre seu telefone no site de do Procon para não receber ligações de telemarketing;
  • Não forneça documentos pessoais, foto, localização e nem aceite contratos online, se não tiver certeza e detalhes do que está contratando;
  • Mantenha bloqueada a margem consignável junto ao INSS, para evitar fraudes;
  • Se não tem interesse em contratar produto financeiro e recebe ligações, anote o nome da empresa, do atendente, data, horário da ligação, e o telefone de origem e denuncie ao Procon Mogi pelo telefone 4798-5090, ou pelo e-mail [email protected]
ASSUNTOS
COMPARTILHE
MAIS NOTÍCIAS
OUTRAS NOTÍCIAS