Campanha de apadrinhamento de cães e gatos é prorrogada em Suzano

Com o título “Histórias de Esperança”, iniciativa divulga animais e permite que população colabore com doações ou adoção. Cerca de 150 pets integram a ação, segundo a Prefeitura.

A campanha de apadrinhamento de cães e gatos, promovida pela Secretaria de Meio Ambiente de Suzano, será prorrogada até o dia 5 de janeiro. A ação, que tem como título “Histórias de Esperança”, permite que a população contribua com doações ou adoção dos pets.

Idealizada pelo Setor de Bem-Estar Animal em parceria com Organizações Não Governamentais (ONGs) e protetores da cidade, a iniciativa expõe as histórias dos animais, em especial aqueles que têm deficiência ou são mais velhos, em cartões temáticos em árvores de Natal.

Após conhecer um pouco deles, o interessado pode apadrinhá-los com algum item que estejam precisando, como ração e colchonetes. Também é possível escolher um dos bichinhos para completar a família, adotando-os.

Ainda de acordo com a pasta, os estabelecimentos parceiros ficam responsáveis por unir todas as arrecadações e fazer a entrega para o tutor do pet apadrinhado.

Confira abaixo a lista de comércios participantes:

  • Tech Vet Centro de Castração Animal – Rua Portugal Freixo, 136 – Centro
  • Paiol Casa de Ração – Rua Baruel, 770 – Centro
  • Rede Zeca Rações – Unidade 1: Rua Caboclos, 495 – Vila Urupês; Unidade 2: Avenida Antônio Marques Figueira, 1.292 – Jardim Paulista
  • GranPet – Avenida Antônio Marques Figueira, 847 – Vila Costa
  • AmiPet – Unidade1: Rua Dr. Prudente de Moraes, 1.160 – Vila Amorim; Unidade 2: Avenida Major Pinheiro Fróes, 2.207 – Vila Maria de Maggi; Unidade 3: Avenida Francisco Marengo, 1.644 – Jardim Dona Benta
  • Império Pet – Avenida Mogi das Cruzes, 72 – Parque Suzano

Ao todo, 150 cães e gatos integram a iniciativa. Para o secretário municipal de Meio Ambiente, André Chiang, a campanha é uma grande oportunidade para quem apoia a causa animal e gostaria de ajudar neste momento de festividades.

“Simpatizantes da causa, que muitas vezes não podem ter um pet, encontraram em ‘Histórias de Esperança’ uma maneira de ajudar com o apadrinhamento. Já quem está em busca de um novo amigo, encontrou grandes guerreiros que buscam um lar”, pontuou.

Deixe um comentário