O clima no Brasil pode ajudar a combater o novo coronavírus?

Destaque Home

anuncie aqui

Ao G1, infectologista diz a temperatura não bloqueia o vírus, mas o frio pode piorar transmissões. Covid-19 tem se espalhado principalmente em países do hemisfério norte, que atualmente está no inverno. Entenda.

O Brasil é o primeiro país da América Latina a ter um caso confirmado de infecção pelo novo coronavírus – e ainda é incerto como a doença se comportará por aqui. Isso porque temos clima tropical e estamos atualmente no verão, ou seja, condição distinta da verificada nos países do hemisfério norte onde a doença Covid-19 tem se espalhado, como China e Itália.

Na Austrália, que também está no verão, 11 das 15 pessoas que tiveram diagnóstico positivo já se curaram, de acordo com informações da Organização Mundial da Saúde (OMS) e de outros órgãos internacionais de saúde, compilados pela Universidade Johns Hopkins.

Apesar disso, o diretor-executivo do programa de emergências da OMS, Michael Ryan, alertou contra o que chamou de “suposições” quando questionado sobre se o clima do país ajudaria no combate ao novo vírus.

“Acho que precisamos ter cuidado ao fazer suposições sobre a propagação ou não de um vírus devido a condições climáticas ou outras [condições]”, alertou Ryan.

Também de acordo com infectologistas e especialistas ouvidos pelo G1, o clima e a temperatura podem não ter um papel tão fundamental assim na disseminação de uma doença.

“Vírus não respeita temperatura. O H1N1 atingiu os Estados Unidos em pleno verão. A Influenza é um vírus de inverno e tem todo ano no Caribe [região tropical]. No ano passado, teve surto de H1N1 no Amazonas”, disse a infectologista Nancy Bellei, professora da Universidade Federal de São Paulo (Unifesp) e consultora da Sociedade Brasileira de Infectologia (SBI).

De acordo com ela, a temperatura não bloqueia o vírus, mas o frio pode piorar transmissões já que as pessoas ficam em ambientes fechados.

Para Rosana Richtmann, infectologista do Instituto de Infectologia Emílio Ribas, em São Paulo, e também da SBI, a propagação tem menos relação com o clima do que com a movimentação de pessoas.

“No sudeste, que tem um trânsito muito maior de voos internacionais e uma densidade populacional muito maior, o risco eu acho maior, mas por causa dessas condições, não por causa das condições climáticas”, disse.

Veja outras perguntas e respostas sobre o coronavírus:

Deixe seu voto

mood_bad
  • Ainda não há comentários.
  • Adicionar um comentário

    Veja Também

    Log In

    Forgot password?

    Don't have an account? Register

    Forgot password?

    Enter your account data and we will send you a link to reset your password.

    Your password reset link appears to be invalid or expired.

    Log in

    Privacy Policy

    Add to Collection

    No Collections

    Here you'll find all collections you've created before.